fbpx

Isla del Rosario, Cartagena: o passeio mil vezes melhor que Playa Blanca


Oi Viajante! Neste post vou mostrar pra vocês que é possível sim fugir de toda a muvuca que existe na Playa Blanca. Apesar de ser um pouco mais caro, compensa mil vezes mais a visita a uma das outras ilhas que fazem parte do arquipélago Isla del Rosário. E eu vou te provar isso agora.

+ clique aqui para ler nosso post “Playa Blanca: inferno ou paraíso dos turistas?”.

Primeiramente, você precisa saber que em Cartagena existe um arquipélago chamado Islas del Rosario (Ilhas do Rosario). Em segundo lugar, uma dessas ilhas é uma passeio que deve estar no seu roteiro de viagem.

O arquipélago Isla del Rosario é formado por diversas ilhas. Sendo que na Ilha Barú fica localizada a Playa Blanca. Esta é a única ilha onde é possível chegar por via terrestre.

+ clique aqui para ler mais sobre como chegar na Ilha Barú – Playa Blanca.

Mapa Isla del Rosario

A Isla del Rosario, Grande e Barú são as mais visitadas pelos turistas. Todas elas podem ser visitadas fazendo bate e volta ou ficando hospedado em um resort da ilha.

Bate e Volta – Como passar o dia na Isla del Rosario:

Escolha a sua ilha:

Primeiramente, você terá que escolher qual ilha do arquipélago Isla de Rosario você quer visitar. E claro, você também pode optar por visitar mais de uma, se houver espaço no seu roteiro.

A verdade é que as ilhas são bem parecidas e com ótima infraestrutura. Ademais, todas tem aquele mar azul caribe dos seus sonhos. Assim, não importa qual seja seu critério de escolha (preço, resort, paisagem, etc), vai valer a pena de qualquer jeito!

Por fim, que se estiver em dúvida entre a Playa Blanca e qualquer outra ilha, escolha a outra ilha. Explicamos o porque no post exclusivo sobre a Playa Blanca, que você pode acessar clicando aqui.

Qual agência de turismo escolher?

Bom, em Cartagena você encontrará muitas opções de agências que fazem este passeio para diversas ilhas do arquipélago. O principal ponto da cidade em que você encontrará as agências é nas proximidades da Torre del Reloj.

Mas a melhor opção é perguntar diretamente na recepção do seu hotel se eles tem parceria com alguma agência. Ou se, ao menos, eles poderiam indicar alguma de confiança. Se eles tiverem parceria (como é o caso de quase todos os hotéis) você conseguirá fechar o passeio ali mesmo.

Quando estivemos em Cartagena, nos hospedamos no Hotel Tres Banderas e fechamos o passeio para a Isla del Rosario lá mesmo. Não me lembro qual era a agência, mas lembro que não tivemos problemas, foi um passeio excelente!

Dicas Extras:

Quando pesquisamos nossa viagem nos deparamos com a agência Opitours. Porém, pelo pouco que li no TripAdvisor, a fama da agência é bem negativa, a nota dela no facebook é 2. Ainda assim, caso queira dar uma olhadinha nela, é só clicar aqui.

Também temos conhecimento de uma agência que se chama Mary Tours. Ela tem comentários negativos e positivos, vale dar uma olhadinha clicando aqui.

Como é o passeio para uma das ilhas?

Valor:

Os passeios de bate e volta para uma das ilhas do Rosário saem em torno de 200.000 COP. Este valor costuma já incluir o almoço.

Neste preço não está incluso:

  • imposto para entrar no porto: 16.500 COP (pagamento obrigatório)
  • entrada de atrações extras, como por exemplo o Oceanário (30.000 COP) e aluguel de snorkel


Horários:

Todas as agências tem transfer do hotel até o porto, ou se você preferir, pode ir direto pro porto. Normalmente, o transfer começa a passar nos hotéis às 8h, para chegar ao porto às 9h. E não se atrase, porque eles não esperam!!!

Os passeios saem do porto de Cartagena, conhecido como “Muelle” às 9h da manhã. Quer dizer, esse é o horário que a agência diz, mas se prepare para um atraso de uns 40 minutos. Como são muitas agências e barcos saindo, o porto fica uma loucura.

partida de barco do porto de Cartagena para Ilha Grande

O almoço é servido entre 13 e 13h30. Por fim, o retorno se dá sempre entre 15 e 16h, o que vai variar de agência para agência.

Tempo de duração do passeio:

Para chegar a uma das ilhas não é demorado, já que o passeio é feito com lanchas rápidas, gastando apenas 1 hora para ir. Porém, para voltar, tendo em vista a maré e as rotas do barco, você poderá demorar até 2 horas, mesmo com lancha rápida.

Você ficará 5 horas aproveitando a ilha, relaxando sob o sol com uma vista paradisíaca.

Itinerário:

Isto irá varias de agência para agência. Pode ser que o passeio vá direto para a ilha escolhida ou antes para uma visita ao Oceanário.

Mas eu indico pegar o passeio que vá direto para ilha, o que te fará aproveitar mais.

Almoço:

Algumas agências oferecem um buffet simples no almoço. Porém, a maioria oferece o prato típico colombiano: peixe frito, arroz de coco, patacones e salada.

almoço servido no passeio para Ilha Grande em Cartagena

Resort:

É importante saber que todas as ilhas tem resorts. Quando você chegar na sua ilha escolhida você ficará aproveitando o serviço de praia e comerá o almoço do resort que a agência tem parceria.

Você também é livre para pedir drinks no bar do hotel, que são pagos à parte.

Qual ilha escolhi e como foi o meu passeio?

Eu apenas tinha um dia no meu roteiro para visitar uma das ilhas e decidi visitar a Isla Grande. Isto porque, a Isla del Rosario é onde está localizada o Oceanário, ou seja, é super lotada. Já a Ilha do Pirata, por exemplo, também tem fama de ser meio muvuca.

A saída do porto:

Meu passeio saia às 9h do porto e ia direto para Ilha Grande, retornando às 15h. E vou te falar, este foi o melhor dia da minha viagem!

saída do barco de passeio do porto de Cartagena

A paisagem no caminho:

No caminho você vai admirando a cidade de longe, com toda a sua arquitetura histórica e uma paisagem deslumbrante.

Forte San Fernando em Cartagena
Forte San Fernando
mar do caribe em Cartagena

Eu te prometo que essa 1 hora na lancha vai passar rapidinho. Isto porque você irá se distrair dando uma olhadinha nas outras ilhas que fazem parte desse lindo arquipélago.

Isla del Rosario em Cartagena, Colombia
Essa foto é a minha favorita. Parece até fundo de tela de Windows rs

A Isla Grande:

Chegamos na Isla Grande quase 11 h. A partir do momento que você desembarca, você está livre para explorar a ilha e escolher em qual cantinho da praia você quer ficar.

Chegada a Ilha Grande em Cartagena
Desembarcando na Ilha Grande

Desembarcamos e fomos direto para praia procurar um lugarzinho especial. A praia não é cheia já que ela é reservada para o pessoal que chega do passeio e para os hóspedes do hotel. Tem música alta? Tem. Na Colômbia é reggaeton o dia todo (“mi casa su casa Shakira Shakira”). Ambulantes? Não vimos.

Ademais, na praia você pode se divertir alugando caiaque ou um snorkel para mergulho.

Enfim, no primeiro momento, nos deparamos com essa praia aqui, que tinha uma infraestrutura super legal:

praia privada do resort em Ilha Grande em Cartagena
praia privada do resort em Ilha Grande em Cartagena

Porém, nós não sabíamos a surpresa que nos aguardava!

Um dos atendentes do hotel se aproximou e perguntou se precisávamos de ajuda para nos instalar. E o melhor, nos mostrou um pedaço de prainha mais escondido do lado direito dessa praia aí de cima, onde não tinha uma alma viva. E foi super gentil levando duas espreguiçadeiras até lá para nos aconchegarmos.

praia paradisíaca na Isla del Rosario em Cartagena
Olha aqui nosso paraíso particular.
praia paradisíaca na Isla del Rosario em Cartagena
E ainda tínhamos essa sombra das árvores que foi a cereja do bolo.

Olha aqui a prova de que a prainha era realmente toda nossa:

praia paradisíaca na Isla del Rosario em Cartagena

E ali nós ficamos até a hora de ir embora, pedimos drinks no bar e curtimos muito a água. Infelizmente o tempo passou super rápido e logo tivemos que parar pra almoçar e ir embora.

aproveitando um lindo dia do verão no mar do caribe na Ilha Grande, Isla del Rosario, em Cartagena, Colombia
aproveitando um lindo dia do verão no mar do caribe na Ilha Grande, Isla del Rosario, em Cartagena, Colombia

Almoço e retorno para o continente:

Por fim, às 13h30 fomos chamados para almoçar e às 15h fomos embora. Depois do almoço conseguimos dar mais uma voltinha ali pelo hotel e outros pontos da praia. Mas foi rápido, porque gastamos um tempão na fila para pagar as bebidas, que não estavam inclusas.

Para voltar foi meio chatinho. Demorou 2h e foi água espirrando na cara o tempo todo (o que me rendeu uma bela dor de garganta no outro dia).

Mas valeu a pena cada segundo, e realmente podemos afirmar que nosso dia na Ilha Grande foi perfeito!!!

Como se hospedar em uma das Islas del Rosario:

Conforme eu disse lá em cima, também é possível se hospedar em uma das Ilhas do Rosário.

Como escolher em que ilha se hospedar?

Algumas ilhas tem poucas opções de hospedagem ou hotéis mais simples, enquanto outras tem resorts luxuosos. Apesar das diferentes opções de hospedagens, todas irão te garantir uma vista paradisíaca.

Por isso, a sua decisão irá se basear na sua capacidade financeira ou no quanto você gostaria de investir nessa viagem. Vejamos alguns exemplos de locais para se hospedar nas principais ilhas do arquipélago.

Ressalto que iremos recomendar com base na nota de avaliação dos viajantes no site Booking:

+ clique aqui para ler nosso post com um passo a passo sobre como pesquisar hospedagens no Booking.

Ilha do Pirata:

Hotel Isla del Pirata é um hotel considerado resort, já que todas as comidas estão inclusas, mas em um estilo mais simples e acessível para o nosso bolso. Ademais, a decoração dos quartos estilo bangalô são uma gracinha, mas chamo a atenção para o fato de eles não terem ar condicionado.

  • Diárias a partir de R$500,00
  • Nota no Booking: 8,2


Para fazer sua reserva pelo site Booking utilize nosso link clicando aqui, pois com ele você ganha um descontinho e ainda ajuda nosso blog a crescer.

Ilha Grande:

Cocoliso Resort

O hotel mais procurado nessa ilha é o Cocoliso Resort. Ainda que só haja uma única opção de quarto, apenas com ventilador, o hotel vale a pena por toda a infraestrutura (com piscina privada para os hóspedes) e o local privilegiado.

  • Diárias a partir de R$500,00
  • Nota no Booking: 7,9


Para fazer sua reserva pelo site Booking utilize nosso link clicando aqui, pois com ele você ganha um descontinho e ainda ajuda nosso blog a crescer.

 Ecohotel El Hamaquero

Esse hotel é para os mochileiros de plantão, que não fazem questão de luxo e querem contato com a natureza. No El Hamaquero todos os banheiros são compartilhados.

  • Diárias a partir de R$70,00 podendo chegar a R$250,00 dependendo do tipo de quarto escolhido.
  • Nota no Booking: 8,5


Para fazer sua reserva pelo site Booking utilize nosso link clicando aqui, pois com ele você ganha um descontinho e ainda ajuda nosso blog a crescer.

Ilha Marina:

Essa ilha fica coladinha em Ilha Grande, motivo pelo qual, muitas vezes, as pessoas consideram como Ilha Grande a sua localização.

Coralina Island 

Coralina Island é o hotel mais vendido pelo site TripAdvisor dentre todos da Isla del Rosario. Deste hotel você pode esperar um luxo maior do que os demais hotéis acima citados. Além de lindo e com uma vibe super tropical, ele tem uma praia reservada somente para os hóspedes.

  • Diárias a partir de R$900,00, podendo chegar a mais de R$2.000,00, dependendo do quarto escolhido e da quantidade de pessoas hospedadas.
  • Nota no Booking: 9,0


Para fazer sua reserva pelo site Booking utilize nosso link clicando aqui, pois com ele você ganha um descontinho e ainda ajuda nosso blog a crescer.

Eco Hotel Islabela

Já imaginou se hospedar em um bangalô de frente pro mar, acordar de manhã e já estar com os pés na areia? Se a resposta é sim, então talvez Islabela seja o seu hotel ideal.

  • Diárias a partir de R$500,00
  • Nota no Booking: 9,1


Para fazer sua reserva pelo site Booking utilize nosso link clicando aqui, pois com ele você ganha um descontinho e ainda ajuda nosso blog a crescer.

Transfer – Como chegar a ilha?

A grande maioria dos hotéis (se não, todos) tem o serviço de transfer, com barco saindo de Cartagena e levando até a ilha. Assim, quando fizer a reserva no seu hotel, se certifique de confirmar valores e horários de saída dos barcos.

Porque é importante se informar bem sobre seu transfer:

Quando pesquisei sobre se hospedar na Isla del Rosario, verifiquei que a maioria dos viajantes não sabiam que seu transfer para o hotel saía apenas em um determinado horário do dia, normalmente pela manhã. Tendo em vista a ausência de informação, surgiram os seguintes problemas:

  • O voo do viajante chegava em Cartagena em horário posterior ao da saída do barco, fazendo com que perdesse o transfer.
  • Se você perder o transfer você se verá diante das seguintes opções: pagar um barco particular para te levar, que custará em torno de 500.000 COP ou precisará se hospedar em algum hotel em Cartagena para aguardar o transfer do hotel no outro dia.


Valor do transfer:

Os relatos dos viajantes na internet são de os hotéis cobram o valor de 200.000 COP pelo transfer ida para ilha e volta para o continente.

Como é a infraestrutura/atendimento dos hotéis na Isla del Rosario?

Infelizmente, apesar de muitos hotéis serem considerados resorts de luxo, os viajantes relatam passar muito perrengue no atendimento.

Há relatos sobre:

  • Problemas com horário do check-in e check-out. Por exemplo, o transfer chega na ilha às 11h, mas o quarto apenas é liberado às 14h, ou o transfer para voltar sai às 14h mas você tem que liberar o quarto ao meio dia;
  • Problemas com o atendimento na recepção dos hotéis, tendo em vista uma grande desorganização;
  • Problemas com erros na compra do pacote, que às vezes incluem determinando tipo de café da manhã, mas ao chegar lá não é bem o que você esperava;
  • Problemas com vendedores credenciados que podem circular dentro do hotel livremente e que acabam assediando os turistas em excesso.


Apesar de tudo, ainda existem muitos relatos na internet de viajantes super satisfeitos com a hospedagem nas Ilas del Rosario.

Eai, vale a pena se hospedar nas Islas del Rosario?

Infelizmente, essa é uma pergunta que não tem resposta certa (eu sei que está não era a resposta que você queria ler). Tudo dependerá do seu nível de exigência e se você está disposto a enfrentar alguns perrengues para aproveitar o caribe.

Não se pode esquecer que são ilhas que estão afastadas do continente e que os hotéis são administrados pelos próprios nativos da região, que tentam oferecer um bom serviços com as limitações de estarem em uma ilha afastada.

Ademais, deve-se levar em consideração que o turismo em Cartagena apenas começou a crescer efetivamente a partir de 2016, o que é muito recente.

Por fim, não se pode esquecer que ficar hospedado em uma ilha depende muito do clima. Ou seja, pode ser verão e chover o dia todo lá no meio do oceano. Ou ainda, os transfer podem atrasar por causa dos ventos fortes.

Dica Extra – sapato de proteção para os pés:

Por fim, quero finalizar esse post com uma dica importantíssima. O solo do mar do caribe é cheio de pedras e cascalhos, onde fica impossível andar descalço. Na verdade, até mesmo de chinelo é meio chatinho.

fundo do mar no Caribe na Isla del Rosario, Cartagena

Por isso, recomendamos comprar um sapatinho de borracha para proteção dos pés. O uso desse sapatinho é super comum por lá, então não vai achando que você vai pagar mico rs


Ah, não deixe de ler nosso post sobre tudo o que você precisa saber para preparar sua viagem para Cartagena, clicando aqui. E também não deixe de conferir como foi nossa viagem assistindo o vídeo abaixo: