fbpx

O que fazer em Brotas: roteiro pet friendly de 3 dias


Se você está se perguntando o que fazer em Brotas acompanhado do seu amigo pet, esse post é ideal para você. Nós fizemos este roteiro com nosso cachorrinho Cuzco e ele amou, e vamos contar pra você em detalhes.

Para informações gerais sobre a cidade, como indicação de hospedagem e restaurantes pet friendly clique aqui.

Dia 1 – O que fazer em Brotas:

Saímos de São Paulo cerca de 9 horas da manhã e chegamos em Brotas por volta do meio dia. Conforme contamos aqui o percurso de SP até Brotas gira em torno de 2h30, entretanto, por estarmos com nosso pet foi necessário fazer algumas paradas extras.

Parque dos Saltos

  • Endereço: Rua Alfredo Mangilli, S/N – Santa Cruz, Brotas – SP, 17380-000
  • Entrada: gratuita
  • Aceita a entrada de pets

Primeiramente, iniciando nosso roteiro sobre o que fazer em Brotas, nossa primeira parada foi no Parque dos Santos, localizado no centro da cidade.

De acordo com o site oficial da cidade, com o objetivo de aproveitar um desnível geográfico para produzir energia elétrica, foi construída uma pequena represa no Rio Jacaré Pepira, que formam 3 quedas d’água.

Ademais, o parque tem um ambiente bem familiar e é o lugar perfeito para fazer trilhas, curtir o barulho das cachoeiras e curtir a natureza.

Ponte Pensil:

Entrando no parque você já será impactado, logo de cara, pela incrível Ponte Pênsil construída por cima da represa, te dando uma linda vista da primeira queda d’água e para a mata ao redor.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Quedas D’Água:

Neste parque você pode gastar 15 minutos ou passar o dia inteiro, ele é gigante e tem vários lugares para você parar e apreciar a paisagem. Mas é a queda d’agua da Ponte Pensil que é a mais procurada.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Seguindo o caminho pela trilha que vai beirando rio, você encontra outras quedas d’águas e lugares tranquilos para você realizar e curtir o momento com o seu pet.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Casa de Máquinas:

Por fim, o último ponto turístico do parque é a Antiga Casa das Máquinas que abrigava a antiga usina hidrelétrica de Brotas. Mas, que hoje, é apenas um local vazio, apesar de charmoso.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Chegar lá não é muito fácil, pois tem uma escadaria curta mas bem íngreme e de estrutura um pouco precária.

escadaria para a Casa das Máquinas no Parque dos Saltos
Escadaria em direção a Antiga Casa das Máquinas

Apesar disto, ao chegar lá, você encontra um local quieto e agradável para ficar na beirada do rio, com uma linda queda d’agua.

o que fazer em Brotas: queda d'agua no Parque dos Saltos - Casa das Maquinas

Por fim, após nosso passeio no Parque dos Saltos, fomos almoçar no restaurante Cantina Viccino Della Nona e depois fomos fazer nosso check-in na Pousada Pé na Terra, onde passamos o resto da tarde curtindo a piscina enquanto o Cuzco corria feliz no jardim.

Cuzquinho curtindo o pôr do sol na pousada após um dia agitado

Dia 2 – o que fazer em Brotas:

Recanto das Cachoeiras

  • Endereço: Estrada do Patrimônio, s/n, Brotas – SP, CEP: 17380-000
  • Entrada: R$120,00 por pessoa de segunda a sexta e R$150,00 para fins de semana e alta temporada
  • Aceita a entrada de pets

Nosso segundo dia o nosso roteiro de o que fazer em Brotas foi voltado para um day use no Recanto das Cachoeiras, um parque de ecoturismo com uma vista maravilhosa para a natureza, com mirantes, trilhas, cachoeiras, piscina de borda infinita e um lago artificial conhecido como “oasis”.

O local permite a entrada de pets em todo o recanto, com exceção da piscina de borda infinita. Na piscina está disponível espreguiçadeiras, mesas e cadeira, além de um restaurante e bar para alimentação.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Ademais, o recanto também oferece atividades extras que são pagas a parte, como passeios a cavalo e arvorismo. Clique aqui para conferir as atividades do disponíveis.

Por fim, o local também oferece estacionamento, vestiário e área de descanso.


Trilhas e Cachoeiras:

A parte mais legal desse complexo sem dúvida são as cachoeiras, que são bem famosas em Brotas. Porém, para chegar em ambas as cachoeiras é necessário fazer uma trilha, e o percurso total dura em torno de 45 minutos.

A trilha começa saindo de um ponto ao lado da piscina de borda infinita, na entrada do recanto e termina na Oasis (ou você pode fazer o caminho invertido) e tem nível de dificuldade médio.

Primeiramente, iniciamos a Trilha Mata’dentro, que leva a Cachoeira Roseira. Esta trilha, apesar do nível de dificuldade, tem uma ótima infraestrutura, sombreada, com calçamento de pedra e corrimão e mirantes no meio do caminho.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


É uma caminhada de cerca de 15 minutos até esta primeira cachoeira e vale muito a pena. Após todo o esforço, nada melhor do que aquele refrescante banho nas quedas d’água da Cachoeira Roseira.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


E o mais importante: não deixe de levar água para o seu pet tomar durante a trilha, pois exige bastante esforço deles, apesar deles amarem o passeio.

Saindo da Cachoeira Roseira, seguimos nossa trilha por mais 10 minutos até chegar no ponto chamado “Encontro das Trilhas”. Nesse ponto você pode optar por retornar a entrada do complexo em uma trilha de nível fácil ou seguir a trilha de nível médio até a próxima cachoeira.

Nós optamos por pegar a trilha Colina e seguir em direção a Cachoeira Santo Antonio, que é um dos cartões portais da cidade, motivo pelo qual não pode ficar fora do seu roteiro de o que fazer em Brotas.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Essa Cachoeira é realmente linda e ótima para banho. A queda d’água tem uma força perfeita para fazer uma ótima massagem nas costas. Você vai querer ficar lá por um bom tempinho curtindo.

O que fazer em Brotas: Cachoeira Santo Antonio em Brotas
Cachoeira Santo Antônio

Oasis:

Mais 5 minutos de trilha e nós chegamos ao Oasis. Um maravilhoso lago artificial, abastecido com a água da cachoeira, rodeado com um chão de areia, guarda-sol e espreguiçadeiras.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider



Por lá, estão disponiveis pranchas para fazer stand up e até nosso cachorrinho Cuzco se divertiu.

Assim como na piscina de borda infinita, no oasis você também encontra um bar. Porém, o bar do recanto não oferece muitas opções de porções e também não permite a entrada com qualquer alimento no local. Abaixo o cardápio:

Voltando para a pousada, fomos jantar no restaurante Benedito, que também é pet frienldy (contamos sobre ele aqui).


Dia 3 – o que fazer em Brotas:

Visita ao Centro Histórico

Tendo em vista que o check-in na pousada era ao meio dia e tínhamos que voltar pra São Paulo após o almoço, optamos por fazer um roteiro mais leve, visitando alguns pontos turísticos do centro da cidade.

Capela Santa Cruz:

  • Endereço: R. Francisco Costa – Caju, Centro – Brotas – SP

Nossa primeira parada foi para apreciar a beleza da pequena Capela Santa Cruz localizada no centro da cidade. Nós não entramos pois estava fechada, mas, ainda assim, paramos para algumas fotos.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Casa da Cachaça:

  • Endereço: Avenida Padre Barnabé Girón, 221, Centro – Brotas – SP
  • Permite a entrada de pets, desde que estejam no colo

A Casa da Cachaça é um super ponto turístico que não pode faltar na sua lista de o que fazer em Brotas. É um lugar acolhedor, onde você pode degustar diversos sabores de cachaças e licores do interior, queijos e salames. Por lá você encontra diversos produtos caseiros pra comprar, como pimentas e goiabadas, e até mesmo uma lojinha de souvenirs da cidade.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Ademais, nos fundos da Casa da Cachaça, você encontra o Museu do Caipira (entrada gratuita), que expõe itens que nos remetem e relembram a vida na roça. Por lá você encontra pilão, radinhos de pilhas, ferro de passar carvão, etc.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider


Praça da Igreja:

Por fim, visitamos a Praça da Igreja, localizada em frente a Casa a Cachaça. Uma pracinha tranquila e arborizada, que é ótima para passear com seu pet.

previous arrow
next arrow
previous arrownext arrow
Slider



Por fim, finalizamos nosso roteiro de o que fazer em Brotas indo novamente no Parque dos Saltos e curtir mais um pouco a natureza. Posteriormente, almoçamos no restaurante Restaurante Cachoeiras, bem na frente do parque e que aceita a entrada de pets.


Que tal conhecer nosso serviços de Assessoria de Viagens clicando aqui? Fazemos um roteiro de viagem personalizado para o seu destino!